Meu método: o MATE (Método de Aprendizado de Tango por Estruturas)

“o tango é muito difícil!”

“não consigo lembrar das  figuras”

” na hora da dança não consigo lembrar das seqüências e ligar umas com as outras”

“se penso na seqüência não consigo me ligar com a música”

já ouvi estas frases milhares de vezes.

Pensando nas dificuldades comuns dos alunos de tango e refletindo sobre as didáticas que tenho experimentado ou estudado, comecei a questionar o método tradicional de ensino do tango (que eu mesmo usei amplamente) e fui desenvolvendo um método próprio.

continuar lendo…

This entry was posted in Tango and tagged , , , . Bookmark the permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>